Pular para o conteúdo

Sala de Imprensa

 
 

Voltar

Acordo de cooperação entre BNB e Governo do RN beneficiará agricultores familiares

Assinatura ocorrerá amanhã na cidade de Passa e Fica

Natal, 1º de junho de 2017 - O Banco do Nordeste e o Governo do Estado do Rio Grande do Norte firmarão acordo de cooperação, tendo como principais beneficiários os agricultores familiares potiguares que participam do Programa Nacional de Crédito Fundiário (PNCF). O termo será assinado amanhã, 2, às 16h, no Clube Social Pepeuzão, na cidade de Passa e Fica, durante o lançamento do projeto Dinamização do Turismo Local, mas que envolve ações  de diversas secretarias de Estado. 

As Secretarias de Assuntos Fundiários e de Apoio à Reforma Agrária (Seara), da Agricultura, da Pecuária e da Pesca (Sape), do Planejamento e das Finanças (Seplan) e o Instituto de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater-RN) representam o Governo do RN no acordo, que tem por objeto o "Desenvolvimento Local Sustentável" com o incremento das contratações no âmbito do Programa de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf A).

A Emater deve potencializar a elaboração de projetos neste programa para os agricultores potiguares beneficiários do PNCF, priorizando as atividades agropecuárias inseridas nos programas básicos da Sape, com emprego de tecnologia apropriada, capacitação e Assistência Técnica e Extensão Rural (Ater), visando à sustentabilidade social, ambiental e econômica das unidades familiares atendidas.

Um comitê gestor vai monitorar a seleção de beneficiários, qualidade das propostas elaboradas e tempo de trâmites dos processos no Banco do Nordeste. A meta é proporcionar, até o fim do ano, acesso aos recursos do Programa Nacional de Agricultura Familiar (Pronaf A) para 500 famílias já contempladas com o Crédito Fundiário, além de beneficiários do projeto RN Sustentável. O financiamento de atividades produtivas nos imóveis rurais deve somar cerca de R$ 13 milhões.

A ampliação do número de famílias beneficiárias dos programas de crédito fundiário atendidas pelo Pronaf A deve resultar no fortalecimento do setor no RN. "Com os financiamentos concedidos, podemos aumentar a capacidade produtiva, conferir sustentabilidade e, como consequencia, melhorar a condição de vida dos agricultores familiares", atesta o superintendente do BNB, Fabrizzio Feitosa.


Desculpe nossa interferência, mas seu navegador não suporta a tecnologia utilizada neste portal.

Procure atualizar o seu navegador para a última versão disponível ou utilize uma das sugestões gratuitas e modernas listadas abaixo:

Chrome 18 ou +Firefox 19 ou +IE9 ou +
x