Ambiente de Comunicação

Gerente: Evangelina Leonilda Aragão Matos
(evangelina@bnb.gov.br)

Assessoria de Imprensa

Institucional: imprensa@bnb.gov.br

Endereço: Av. Dr. Silas Munguba, 5.700. Passaré
Fortaleza (CE)
Telefone: 85 3299-3301 / 85 3299-3149

Gerente Executivo: Francisco Maxshwell dos Santos de Oliveira
(max.oliveira@bnb.gov.br)


Voltar

Contratações do BNB com comércio e serviços de Alagoas crescem 74%

Valores somam R$ 75,2 milhões até maio 

Maceió, 3 de julho de 2017 – As contratações do Banco do Nordeste com empresários de comércio e serviços de Alagoas cresceram 74%, de janeiro a maio, em comparação com o mesmo período de 2016. As operações de crédito somaram R$ 75,2 milhões em 2017, contra R$ 43,2 milhões realizados nos cinco primeiros meses do ano passado.

O superintendente estadual do BNB em Alagoas, Wesley Maciel, comemora a recuperação do setor alagoano e cita recente relatório divulgado pelo Escritório Técnico de Estudos Econômicos do Nordeste (Etene), do Banco do Nordeste, sobre o desempenho do comércio varejista no primeiro quadrimestre do ano. "Pela análise do Etene sobre dados do IBGE, Alagoas se destaca com a maior alta no desempenho do comércio varejista (+5,8%), no ranking composto pelos Estados nordestinos, mais Minas Gerais e Espírito Santo. O resultado contraria a média nacional do segmento, que foi de queda de 1,6%, em relação ao acumulado de janeiro a abril de 2016", ressalta.  

Segundo o relatório, quanto ao comércio varejista ampliado, que inclui, além do varejo, a comercialização de veículos e de material de construção, Alagoas também foi destaque na Região, para o mesmo período, com alta de 3,6%, seguida por Maranhão (+1,2%), Paraíba (+1%) e Pernambuco (+0,2%). No país, esse grupo de atividade comercial registrou queda de 1,8%, impactada pela retração nas vendas de veículos (-8,8%), material para escritório (-7,7%), combustíveis e lubrificantes (-5,2%), livros, jornais e revistas (-4,8%), outros artigos de uso pessoal (-3,1%), produtos farmacêuticos (-3,0%) e hiper e supermercados (-1,0%). 

Wesley avalia que a redução nos juros voltados ao capital de giro, anunciada recentemente pelo BNB,  vai impulsionar a economia dando novo fôlego aos empresários. "Se o comércio e serviços de Alagoas já estão demonstrando boas perspectivas de crescimento, mesmo no contexto de crise, agora com a redução de 15% a 20% dos encargos para capital de giro, a expectativa é de incremento ainda maior nas contratações com o setor", afirma. 

Perfil

Das operações de crédito contratadas com o comércio e serviços alagoanos, de janeiro a maio de 2017, cerca de 50% foram realizadas pelas agências do BNB da capital. No interior, os maiores volumes foram financiados pela unidade de Arapiraca (R$ 7,4 milhões), seguida por Penedo (R$ 5,4 milhões) e Palmeira dos Índios (R$ 4,3 milhões). Destacam-se ainda as contratações feitas com empresários atendidos pela agência de Palmeira dos Índios, cujos valores aumentaram mais de quatro vezes em comparação com igual período de 2016. 

Quanto às linhas de financiamento, a maior parte foi destinada ao FNE Comércio (R$ 18 milhões), seguida por FNE MPE Comércio (R$ 17,6 milhões) e Capital de Giro - Insumos (R$ 12 milhões); as duas primeiras destinadas a melhorias do empreendimento, ampliação, reformas e outros tipos de investimento, e a última à aquisição de matéria-prima, insumos e mercadorias. Em relação ao mesmo período de 2016, o maior incremento ocorreu nas contratações do FNE Comércio (50%). Os valores contratados do FNE para MPEs desse setor também mereceram destaque  nos meses analisados, com crescimento de 41%.