Ambiente de Comunicação

Gerente de Ambiente, em exercício: Deyse Lene Santos de Moura
(deyse@bnb.gov.br)


Assessoria de Imprensa

Institucional: imprensa@bnb.gov.br

Endereço: Av. Dr. Silas Munguba, 5.700. Passaré
Fortaleza (CE)
Telefone: 85 3299-3149

Gerente Executiva: Isabelle Bento dos Santos Silva
(isabellebento@bnb.gov.br)


Voltar

Na Bahia, aplicações do BNB com segmento MPE aumentam 48,4% no primeiro semestre

Salvador, 11 de julho de 2019 – O Banco do Nordeste contratou R$ 363,8 milhões com o segmento MPE no primeiro semestre de 2019 na Bahia. O montante representa um crescimento de aproximadamente 48,4%, se comparado ao mesmo período de 2018, quando o BNB somou R$ 245,2 milhões em contratações com as micro e pequenas empresas do Estado.

“Este crescimento histórico deve-se ao aumento do foco da atuação do Banco nos clientes de pequeno porte, com a implantação de medidas que facilitam o acesso ao crédito. Tal esforço refletiu-se nas mais de quatro mil operações contratadas neste primeiro semestre com micro e pequenas empresas no Estado”, destacou o superintendente estadual José Gomes da Costa, ao celebrar os resultados e enfatizar o propósito do BNB em ser o banco das MPEs nordestinas.

Em toda sua área de atuação, que compreende os nove estados do Nordeste, o norte de Minas Gerais e o norte do Espírito Santo, a instituição contratou R$ 1,7 bilhão no período, em mais de 20 mil operações.

No que se refere ao microcrédito, o BNB celebra a aplicação de R$ 4,8 bilhões no primeiro semestre deste ano. O dado representa incremento de 11,1% frente ao mesmo período de 2018. Foram mais de dois milhões de operações. São empréstimos realizados por meio do Crediamigo do Banco do Nordeste, maior programa de microcrédito produtivo orientado e urbano da América do Sul.

Na Bahia, foram aplicados R$ 661,6 milhões pelo programa, no primeiro semestre de 2019, em 274 mil operações. O montante é 19,8% superior ao valor aplicado no mesmo período do ano passado, quando foram contratados R$ 551,9 milhões, em mais de 248 mil operações.  

O programa Crediamigo ampliou, a partir de  1º de julho, o limite do empréstimo, passando de R$ 15 mil para R$ 21mil.